Pages

Warning

"Caro leitor, algumas imagens e textos desse blog foram retirados de sites, sobre o assunto anime e mangá shoujo, caso haja alguma fonte semelhante à sua, é mera coincidência. " Nick'shoujoS" - 2009-2010 Creative Commons License

Compartilhe!

Share/Bookmark

quinta-feira, 11 de março de 2010

Finalmente é lançado!


Depois de mais de três anos de espera, o jogo é lançado no Japão, e afirmam que a qualidade do jogo é impecavel, e já era esperado todo esse alarde quando o jogo RPG fosse lançado, não é brincadeira esperar mais de três anos pra jogar não é!

---------------------------------------
"A estreia de um novo jogo da série “Final Fantasy” em uma nova geração de hardware sempre foi um evento divisor de águas. No advento do Super Nintendo, “FFIV” introduziu um RPG com mais ênfase na sua história e caracterização; no Playstation, “FFVII” foi uma revolução ao usar gráficos 3D e filmes pré-renderizados; e no Playstation 2, “FFX” elevou todas essas características a novos patamares, com dublagem e gráficos em tempo real que criavam um efeito cinematográfico."
O jogo tem uma estrutura parecida com “FFXII”, em que você controla o personagem e vê os inimigos no mapa, mas com batalhas em uma tela separada, como em “FFX”. Você pode tentar pegar o inimigo de surpresa para ganhar um ataque extra ou mesmo fugir dos inimigos, que na maioria são mais lentos que o seu personagem. Portanto, as batalhas são totalmente opcionais, mas o sistema de combate é tão rápido e fluído que acaba tornando cada encontro em algo satisfatório, com boas recompensas, e é um dos pontos altos do jogo.

O sistema de batalha, chamado de “Command Synergy Battle”, emprega a barra do clássico Active Time Battle. O combate flui em tempo real, com a barra de ATB ditando o tempo de cada ataque, mas ao invés de apenas uma ordem, você pode programar vários comandos para o líder do grupo de uma vez só, enquanto os outros dois membros agem automaticamente de acordo com o seu Role (o equivalente a classes).

Existem seis Roles: Commando (especializado em ataques físicos), Ravager (especializado em magias de ataque), Sentinel (atrai o ataque dos inimigos e aumenta a defesa), Synergist (magias de proteção e outras melhorias), Medic (magias de cura) e Saboteur (magias que criam status negativo nos inimigos). Você pode criar até seis combinações pré-definidas para os seus três membros ativos.

---------------------------------------
O Anime Pró também comentou sobre a matéria,que a Square-Enix está feliz da vida. Para o lançamento ocidental de Final Fantasy XIII, a empresa mandou a incrível quantidade de 3 milhões de cópias do jogo. Somando com as duas milhões de cópias disponibilizadas no Japão, o jogo já tem 5 milhões de discos pelo mundo.

Embora tenha sido recebido algumas críticas negativas, o jogo conseguiu vender bem no Japão e repetirá o sucesso na versão ocidental, que também conta com uma versão para Xbox 360.


E agora, em uma nova geração de consoles, a Square Enix finalmente lança a primeira história da saga Fabula Nova Crystallis, “Final Fantasy XIII”. Mais uma vez, o jogo serve como padrão de comparação para o gênero com a alta qualidade da sua apresentação e mecânicas, mas que é também controverso e audacioso quanto a decisões seguidas no seu design.
Me parece que agora sim o jogo ficou popular de verdade!


Fontes: Anime Pró/Msn Brasil/

0 comentários:

Postar um comentário

Formispring-me!

Projeto Final Fantasy!

Blog MTV

gameblog
Related Posts with Thumbnails